Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

exit_this_way

exit_this_way

21
Dez16

O Natal: dietas, loucuras e formosuras

 

Agora que está a chegar o natal, não consigo tirar da cabeça uma imagem que vi em Janeiro do ano passado e que tão bem descreve o evento mais fatídico do ano – o Natal e o consequente fenómeno de engorda!!!

 

fat-barbie-christmas.png

 

Uma pessoa passa a vida a fazer dietas e a pôr-se em cima da balança – sim, eu sei que não me devo pesar todos os dias, mas também só demora um segundo… e depois de meses relativamente bem sucedidos, vem a absoluta desgraça!

Eu, pessoalmente, vivo uma mini-desgraça todas se semanas. De segunda a sexta sou uma pessoa exemplar, cheia de regras, de pratos de sopa de legumes e de mini rações de guerra – guerra de poupança calórica, não a do “vamos comer antes que acabe o mundo”. Pensando bem na coisa, devo andar com um bocadinho de fome (psicológica) todos os dias… Mas chega o sábado e dieta para que te quero… perco a compostura! Sábado é dia das amigas, dia dos lanches e dos jantares, dia da loucura, dos gins e da risota… e pronto, lá vai tudo pela água abaixo! Juro que não há sábado que não vá para a cama sem os meus companheiros fiéis: uma garrafa de água das pedras e dois Kompensam S – somos inseparáveis! E depois de uma noite de sono e de barriga cheia, eis que uma pessoa se levanta e vai em voo directo para a mesa, porque Domingo, além de ser dia de dormir até tarde, também é dia de almoço de família – e lá se perde a compostura outra vez! Mas diabo! Uma pessoa tem que ser feliz e se há coisa que as pessoas felizes fazem é comer! Só que, invariavelmente, ao Domingo à noite eu tenho sempre mais 2kg em cima…. E depois lá está, segunda e terça é para desinchar… e todas as semanas o ciclo se repete!

Agora, para mal dos meus pecados, chega o natal, e então é que uma pessoa come! É quase como reza o livro favorito do meu sobrinho…. “mastiga, mastiga, mastiga, engole, verde, mais verde… gregório!” Pronto, eu não chamo o gregório a lado nenhum, e por isso fica tudo lá dentro acamadinho, à espera do próximo round - sabe Deus que no Natal, há rounds com fartura!

m_incrivel_rapaz_comia_livros.jpg

00000213733.JPG

 (livro fantástico by the way)

 

Depois, vamos ser sinceros, é Natal, está um frio do caraças, e ninguém vai para o ginásio...

(só me vem à ideia a tola da Bridget a estatelar-se no chão quando sai da bicicleta...)

c1660a4d976ce8850b2d64891188cacb.gif

 

...quando pode antes estar sentadinho no sofá, de mantinha, em frente à lareira, a beber chocolate quente e a comer bolachas… e a ver tudo quanto há de series e filmes neste mundo e no outro que ainda não foi descoberto, mas já faltou mais!!!!

06d36f11870bbd1ace4228228495d6d5.jpg

 

E depois há aquela coisa fantástica que assola todos os supermercados nesta altura do ano: o mágico pai natal de chocolate!!!!! Confesso, aqui a minha pessoa perde todo o bom senso, porque eu gosto muito mais de um bom pai natal de chocolate do que de… chocolate…. E está provado que o factor idade só tem vindo a fazer com que isto piore significativamente… Até porque um ordenado dá pra comprar muito pai natal de chocolate!!!!

pai_natal_de_chocolate_big_2373.jpg

 

Então, de repente, uma pessoa começa a pensar que até se justifica estragar bacalhau na noite de natal porque, vamos lá ver uma coisa: o bacalhau não se coze!!!! Isto devia ser proibido por lei!!! Bacalhau é com migas, é com natas, é com coisas!!! Bacalhau cozido, batatas cozidas, couves cozidas… é comida de hospital ou de prisão!!! E eu fico tão triste quando me servem um prato de coisas cozidas!!!  É como pagar para ir comer fora e receber batatas cozidas! Não, não quero! Se pago é para comer bem e batatas cozidas é para doentes!!! Se não estou internada no hospital do Nosso Senhor do Bom Senso, então as batatas são fritas, qual é a dúvida?!?!

f50d69b487e19d77d079f40920b7b57f.jpg

 (coisinha boa...)

 

Mas, bem vistas as coisas, este esquema do bacalhau cozido até faz sentido: assim, uma pessoa não come o prato principal e guarda o espaço para as sobremesas, que são a coisa mais importante do Natal (pelo menos no que toca às coisas que vêm para a mesa).

O importante aqui é perceber que o Natal é uma desgraça mas que sem desgraça não há natal e por isso as dietas ficam para as resoluções de 2017, que lá chegará o tempo disso (já faltou bem mais...)!

Por isso, por favor, ninguém siga aqueles conselhos fantásticos para não engordar no natal, segundo os quais se substitui natas e queijo por iogurte ou queijo quark – tiramisu de queijo quark! Olha que coisa tão parva! Mas alguém lá quer comer disso?!?!?!?! Tudo o que é bom engorda! PONTO FINAL!!!

b99df159be6e6cd14ec743c34e4e0728.jpg

 

Comam meus amigos, que em 2017 a dieta volta!!!

Até lá: be wild, be free and be happy! And eat all you can!!

2 comentários

Comentar post