Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

exit_this_way

exit_this_way

09
Fev17

Barbie world

1800.jpg

A Barbie da direita, para quem for tão distraído como eu, é a Gigi Hadid... Assim vestida de Tommy, mais o cabelo ondulado, realmente está parecida, mas senhores, se me dessem esta imagem sem legenda eu não ia lá! 

Quando eu era pequena, adorava barbies - eram, sem dúvida, o meu brinquedo favorito. Tinha bastantes e era capaz de passar horas a trocar-lhes as roupas e a babar para cima dos vestidos de gala, das camisas de noite com rendinhas, dos sapatos de salto alto... Lembro-me de comprar as caixas só com roupa, para ter mais para trocar. E claro, além das Barbies e das roupas, tinha a casa da Barbie, o carro de piquenique da Barbie, que era o máximo, devo dizer, o armário para guardar a roupa (cujos conteúdos um dia me foram roubados, durante um playdate, e até hoje isso me mexe com o sistema! Se eu não fosse boa moça, tinha arrancado os dentes todos à miúda!!! Mas na altura eu limitei-me a chorar e pronto, ainda me dói!) E sim, achava que quando fosse grande ia ser como a barbie - alta, magra, loira, rica e com um closet absolutamente fantástico... Até porque aos 4, 5, 6, 7 anos não há grande ideia sobre o que a vida é... Eu, pelo menos, não tinha: quando me perguntavam o que queria ser, a minha resposta era "sereia"... Pancadão!!!! Se acho que isso me fez mal?! Não, até porque se há coisa que eu não sou é Barbie, mesmo se me comparasse com as versões morenas, ficava muito aquém!

Bem vistas as coisas, estou bastante feliz por não ser como a Barbie, embora ela fosse uma grande amiga de infância! Portanto não concordo nada com a teoria de que as barbies são um mau exemplo, um mau brinquedo ou whatever! Não tenho filhos nem filhas, mas se tivesse não teria quaisquer problemas em dar-lhes uma Barbie! Sim, mesmo aos meninos, se eles quisessem... Aliás, era gaja para me sentar ali uma tarde a vestir e  a despir as moças, a inventar chás das 5 e saídas para bailes e coisas dessas, que sonhar faz bem! Agora uma barbie da Gigi? Só mesmo para colecionadores, quer dizer, adultos que têm a tara das barbies... porque eu acho que meninas com idade para brincarem com a barbie não sabem quem é a Gigi... digo eu, com os nervos... ou sabem?!?! E os adultos que gostam das Barbies, normalmente têm a Cher... o que faz algum sentido... mas a Gigi, que não tem idade para nada a não ser chuchar no dedo?! Parece-me uma barbie tão precoce! Será que sou só eu que acho?!?! Afinal ela até vive uma vidinha de Barbie, mas ainda é tão nova para a Mattel já lhe ter feito uma boneca... Confesso, adoro Barbies, mas é para brincar... Isto de ter bonecas em caixas é uma coisa que me deixa um bocado mal disposta, não entendo, acho que isto parece o mausoléu da Barbie! Ora digam lá se não tenho razão (e isto é só assim uma gota do que aparece no google search para "barbie lovers"):

barbie1.jpg

Pronto, dá-me a volta ao estômago, não sei.... 

As Barbies eram para brincar, para pentear, para vestir, para dar banho (sim, eu dava banho às minhas...) e às vezes a coisa corria mal e... depois havia muito choro! Lembro-me que trouxe de Andorra uma Barbie Cinderela e no ano seguinte uma Bela (a do monstro, não a Hadid...) A Bela era qualquer coisa, porque tinha o cabelo castanho (e o vestido dourado com brilho, ai, se eu vos conseguisse explicar o que aquilo era para mim...).

Classic-Golden-BELLE-doll-1991-Disney-Beauty-and-_

 (poderosaaaaaaa.... rainha do funk....)

 

Imaginem, no início dos anos 90, era tão raro uma Barbie que não fosse loira! Por isso era a minha favorita... Até ao dia em que lhe estava a trocar a roupa... ela devia ir ao supermercado, e o vestido dourado não dava... e a roupa não entrava... por isso encostei-lhe a cabeça à minha barriga e fiz força para aquilo entrar... 

Só vos digo que a Barbie ficou sem cabeça e que chorei semanas... O meu pai nunca mais conseguiu voltar a encaixar a cabeça na bicha!!! Aquilo é bem mal feito, tenho que vos dizer! E ainda hoje, na minha caixa de brinquedos, tenho lá o corpo e a cabeça da Barbie da Bela, que a minha mão quis deitar fora tantas vezes, mas eu não deixei... Por isso não me venham cá com Barbies da Gigi e Barbies do raio que nos partam! As Barbies são para brincar e não, não deixam ninguém com uma concepção errada do mundo... até porque se deixarem, nada como umas boas "bofetadas" de vida real para uma pessoa endireitar e acordar para a realidade das coisas... o que também faz parte e faz falta! 

Pronto, já recordei... Agora vou trabalhar, na minha vida de não Barbie, que não tem nenhum baile de gala logo, nem uma camisa de noite de rendas à espera em casa... nem um mísero Ken, em pleno mês do amor...